Estética

Tratamentos estéticos para pacientes oncológicos

5 de outubro de 2018  •  por Casa da Estética

profissional de estética com paciência com câncer

Em um momento em que tanto se fala sobre o Outubro Rosa, além de incentivar a conscientização sobre o diagnóstico precoce do câncer de mama, é importante falarmos sobre os cuidados durante o tratamento da doença. E a estética também deve ser incluída na rotina do paciente oncológico. Porém, muitos profissionais de estética ainda não estão preparados para receber clientes com esse quadro. Por isso, separamos algumas orientações.

Medicina e estética devem ser aliadas

Existem diversos tipos de câncer e quadros de pacientes. Por isso, é sempre importante que o médico passe as orientações sobre quais procedimentos o ele deve evitar. Por exemplo, é comum que pacientes com câncer de mama não possam receber tratamentos com massagem ou manobras mais fortes.

 

A avaliação é fundamental

Se a avaliação de um cliente comum, antes de qualquer tratamento estético, já é importante, para pacientes oncológicos é indispensável! Para saber exatamente quais são os níveis do metabolismo de seu organismo, gordura, peso ósseo e outros parâmetros, é possível utilizar a balança de bioimpedância que analisa a composição corporal. Conheça a balança de Bioimpedância SkinUp.

Já a avaliação da pele é importante, principalmente, para saber sobre os níveis de hidratação. A pele normalmente fica mais sensível e ressecada. Para isso, o Analisador Digital Facial e Corporal SkinUp é uma boa indicação, já que é um leitor de umidade, oleosidade e elasticidade da pele com tecnologia de análise de impedância bioelétrica.

 

Alguns cuidados!

Peelings, ondas de choque, radiofrequência e criolipólise são alguns exemplos de tratamentos que não devem ser realizados durante o tratamento de quimioterapia e radioterapia (apenas sob autorização médica). A pele e o corpo ficam muito sensíveis nessas condições e, por isso, essas técnicas e tecnologias podem ferir os tecidos já debilitados.

O olfato também fica mais sensível. É comum os pacientes terem náuseas, que perfumes muito fortes podem intensificar. Por isso, procure usar produtos com aromas mais suaves.

 

O que é interessante oferecer?

Como a pele fica mais ressecada, é interessante que o paciente mantenha uma rotina de hidratação. Como profissional de estética, é interessante oferecer tratamentos que ativem as aquaporinas da pele.

Além disso, conte com as argilas! Elas têm o poder de ajudar na redução de dores e processos inflamatórios, comuns nos pés e nas articulações.

Esse é um momento na vida dos seus clientes em que eles precisam de muito conforto e bem-estar. Ofereça tratamentos relaxantes, que ajudem a aliviar a tensão. SPA para os pés e massagens com movimentos leves podem ser algumas das opções.

Não se esqueça de pedir para que ele pegue as recomendações do que é indicado ou não para o seu caso com o médico responsável.