Hospitalar

Pressoterapia pode ser utilizada em ambientes hospitalares

14 de junho de 2015  •  por Casa da Estética

eletroterapia-2

Muito conhecida por profissionais de saúde, a Pressoterapia tem muitos objetivos. Desinchaço e desintoxicação são os mais populares. O aparelho faz compressão em pernas, pés, tornozelos e abdômen, favorecendo o melhor funcionamento do sistema linfático e da circulação sanguínea. Por estes e outros motivos, a Pressoterapia tem chamado atenção de hospitais e outros ambientes médicos.

Por ativar a circulação venosa e linfática, ela estimula a eliminação de substâncias tóxicas do organismo, diminuindo a sensação de peso e cansaço dos membros inferiores de pacientes que ficam internados por um longo período, por exemplo. Por passarem grande parte do dia deitados, sentem muito incômodo na região das pernas.

Pessoas que passam por cirurgias também podem ser beneficiadas pela Pressoterapia, principalmente quem se submete a intervenções estéticas. O tratamento diminui e previne edemas, além de desinchar a região operada.

Um dos equipamentos que realiza bem o procedimento é o DoctorLife LX7. O aparelho é prático por ser leve, portátil e fácil de usar. Composto por uma unidade compressora e alguns acessórios, que podem ser botas, luvas e coletes para abdômen, ele tem um sistema compressor que infla os acessórios. Estes, por sua vez, exercem pressão controlada sobre a área em questão.

Para quem adquirir o equipamento, uma dica ao usar é colocar no paciente meias, luvas ou roupas de tecido fino embaixo dos acessórios da Pressoterapia. Apesar de estes componentes infláveis serem confeccionados com materiais adequados ao tratamento, é preciso reduzir a possibilidade de ocorrer algum tipo de irritação e não colocá-los em contato direto com a pele. Suor, cosméticos ou gordura podem reduzir a resistência dos componentes infláveis.