fbpx
Estética

Acessórios que todo profissional de estética precisa ter (e entender)

  •  por Casa da Estética

A gente sabe que você entende tudo de tecnologias e equipamentos! Mas sabe aqueles acessórios para estética que quase ninguém comenta e são cruciais para o bom resultado dos seus tratamentos? É justamente sobre eles que vamos falar.

Abaixo, você encontra 5 acessórios para estética que valem a pena o investimento:

Membrana para Criolipólise

membrana-para-criolipolise-30x40-110g-original-com-anvisa-200411-MLB20540682317_012016-FAo investir ou locar um equipamento de criolipólise, saiba que é crucial comprar as membranas protetoras, são elas que protegem a pele do paciente e evitam danos no tecido. “A membrana possui um material, o ácido hialurônico,  que mantém a hidratação da pele, evitando riscos como queimaduras e lesões na epiderme”, explica Bruna Tanzillo, fisioterapeuta e técnica da Casa da Estética. Aqui vale uma observação, a membrana é de uso único, ou seja, para cada paciente uma membrana deve ser usada e, ao fim da sessão, descartada. Não se pode usar a mesma em mais de um paciente. Infelizmente, há profissionais que já fizeram isso e os resultados foram péssimos, resultando, muitas vezes, em queimaduras.

O pacote com dez membranas custa, em média, R$ 330,00. Mas é possível comprar pacotes com até 50 unidades. E ah, não é porque se trata de um acessório que o quesito preço tem que ser determinante. A qualidade da sua membrana importa – e muito – no procedimento. Pense nisso! Saiba mais sobre esse tipo de acessórios para estética e compre pacotes aqui.  

 

Balança de Bioimpedância

2009428944_bc8429c0_U25C125F7E1A gente sabe que alguns acessórios para estética tem um custo um pouco elevado, como esse. Mas investir em uma balança de bioimpedância é um super diferencial para qualquer centro estético. “A balança de bioimpedância é um importante equipamento de análise corporal. Durante tratamentos que envolvem  redução de medidas, perda de peso e melhora na celulite e flacidez, o profissional de estética consegue monitorar, de forma integral, o peso do paciente, avaliando seu estado nutricional, quantificando a perda ou ganho de massa muscular e/ou gordurosa, avalia também o impacto da atividade física na composição corporal, o grau de retenção e hidratação, podendo até mesmo estimar a ingestão calórica ideal para atingir a composição corporal desejada”, diz Bruna Tanzillo.

No aparelho, existem eletrodos de corrente elétrica que devem ser colocados nos braços, nas mãos ou nos pés. Estes estímulos fazem a medição de todo o peso corporal, que é mostrada em seu painel digital. Saiba mais sobre isso aqui.

 

Mini-incubadora

Mini-incubadoraInvestir em biossegurança vai além da autoclave, viu? A mini-incubadora é um acessório fundamental para a realização da monitorização da esterilização usando indicadores biológicos. É simples de usar, bivolt e tem baixíssimo consumo de energia. Mas isso nos leva a uma nova pergunta: o que é monitorização da esterilização? “A monitorização da esterilização nada mais é do que o controle de qualidade da esterilização. É indispensável ser feito, independente do seu método de escolha da esterilização. Hoje, o método de esterilização mais recomendado é por meio de autoclaves que usam o vapor sob pressão”, explica Liliana Donatelli, consultora em biossegurança da Cristófoli, empresa especialista em equipamentos de biossegurança.

Ainda de acordo com a consultora, a esterilização é um processo não visível aos olhos humanos, assim sendo, precisamos de meios para detectar as eventuais falhas e corrigi-las. “Afinal, a esterilização é fundamental para evitar infecções durante procedimentos médicos, odontológicos e estéticos”, afirma. Por mais técnico que possa parecer esse assunto, o investimento deste acessório é fundamental para o profissional de estética.

“Não só para o profissional de estética, mas para todos os profissionais que se preocupam com a saúde de seus clientes/pacientes e esterilizam seus instrumentos em autoclaves. Sem dúvida, é o meio mais prático e econômico de realizar a monitorização da esterilização com indicadores biológicos, no próprio local. Outra vantagem é que o profissional tem maior controle do processo e rapidez no resultado, comparado ao envio do teste para um laboratório”, diz Donatelli.  Além disso, hoje, os clientes estão mais informados das necessidades relacionadas à biossegurança em todos os locais que frequentam. “Recomendo que os profissionais também informem seus clientes sobre os procedimentos direcionados a controle de infecção, acaba sendo um diferencial que valoriza o estabelecimento”, aconselha.  Saiba mais sobre a mini-incubadora aqui. 

 

 

Lençol Térmico

13978Imagina que delícia seu cliente deitar numa maca quentinha, confortavelmente aquecida! Para alguns procedimentos, como depilação ou drenagem, por exemplo, é fundamental oferecer esse conforto ao cliente. “O lençol térmico é um lençol elétrico que contém em seu interior resistências que aquecem a sua cama, ou maca, proporcionando uma agradável sensação de bem-estar. Indicado para os dias e as noites de frio do nosso inverno. O lençol térmico é colocado por cima da maca ou do colchão”, explica Amanda Hamaue, fisioterapeuta e técnica de treinamentos da Casa da Estética.

O investimento é baixo (um lençol para maca custa, em média, entre R$ 280,00 e R$ 430,00) e os benefícios são inúmeros, é um diferencial que certamente seu cliente vai perceber. Muitos fabricantes de lençol térmico recomendam também para algumas queixas como cólicas menstruais, contusões, artrite, artrose, entorses, entre outros. Sendo assim, também é possível o uso home care. Compre seu lençol térmico aqui.

 

Manta Térmica

1061267_manta-termica-para-estetica-e-queima-de-gordura-localizada-abdomen-0-40-x-1-33-m-la-sure_Z2A manta térmica é para ser utilizada em protocolos em cabine. Seu sistema de aquecimento é superior ao do lençol. “A manta térmica possui um sistema resistivo que é composto por fio de níquel e cromo bobinado que pode suportar uma temperatura de até, aproximadamente, 150 graus. Esse sistema possui ainda a proteção de um termostato, que desliga o aparelho assim que a temperatura na resistência chega a aproximadamente 80 graus (a esse ponto, a temperatura na superfície da manta estará em torno de 55 a 60 graus), a manta é indicada, principalmente, para a terapia com calor localizado”, explica Hamaue.

Esse produto é um dos primeiros investimentos de um centro estético, justamente, porque é possível associar a manta em diferentes tratamentos. “A manta térmica é utilizada em protocolos desintoxicantes, redução de medidas para celulite, massagem relaxante, analgesia, permeação de ativos e mais”. Compre sua manta térmica aqui. 

 

investimento centro estético, acessórios para estética